Postado dia 02 janeiro 2014

O que é a Plastica Capilar




Olá leitores do Cabelos E Sonhos.

Tema muito falado em salões e internet quando o assunto versa sobre cabelos, a plástica capilar tem levantado muitas dúvidas e questões ainda incontrovertidas, ou seja, ainda causam muitas discussões. Hoje vamos falar desse assunto de uma maneira mais simplista para um melhor entendimento.


Olha a facaaaaaaaaa!!!


Pela lógica do nome "plástica capilar" podemos entender de duas formas: ou trata-se de algo que "plastifica" o cabelo, ou então podemos também entender no sentido de fazer uma "plástica" nos fios.


E se observarmos os dois sentidos eles parecem a mesma coisa. Afinal de contas fazer uma "plástica" nos fios seria o mesmo que fazer uma plástica no rosto, ou na barriga, mudando sua aparência.

Também se observarmos o sentido de plastificar algo entenderemos que algo vai ficar "fechado" e com uma forma mais lisa, não é assim quando plastificamos um documento?

De uma outra vez eu falei sobre o engano da plástica capilar, entenda:



A plastica capilar nada mais é que uma escova progressiva. Se observarmos direitinho a maioria dos anuncios que vemos de "plastica capilar" trata-se do segundo sentido que falamos lá em cima, o de fazer uma plastica como o que se faz no rosto e barriga, aquela que fica esticaaaaaaada...

E aí é a parte que eu não aconselho posto que para causar alteração na estrutura do fio para alisa-lo, essas plasticas capilares (geralmente, pois algumas podem ser tratamento, tipo 1 em 100) usam de ácidos, o que causa o afinamento dos fios.

Eu sei que tem cabeleireiros que me odeiam por falar isso uma vez que muitos fazem em seus salões esse procedimento e as vezes o cliente vê a matéria e questiona com eles.

O conselho que eu dou é o obvio: combinado não sai caro! Aqui onde trabalho em Belo Horizonte, no salão onde estou atualmente, existem duas plasticas capilares, e eu não faço.

Mas se você faz, então deixe a cliente ciente, diga a ela que é um composto que acido que para alisar o fio irá afina-lo. Não é assim com o formol? Muita gente usa o formol, o cliente sabe (e muitas vezes exige que tenha formol). Aqui pode exigir que eu não dou ouvidos. Formol é proibido como agente alisante.

Se você não entende sobre o afinamento dos fios por conta da acidificação então veja:

E para cabelos que passaram por uma "plástica capilar" e afinaram, ficaram quebradiços, porosos, grudando um no outro (reações comuns que podem acontecer pós plástica) o ideal e único meio é recorrer à uma cauterização a frio dos fios com base em proteínas e aminoácidos (mas não caia no engano das progressivas).

Para saber se é tratamento ou não a cauterização a frio que lhe oferecem saiba o seguinte: cauterização em hipótese alguma reduz volume.



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...