Postado dia 26 janeiro 2015

Melhor tratamento para cabelos depois da praia




Época de ferias é um período propicio para se ir à praia, ao clube, enfim, a lugares que irão requerer mais cuidados com o cabelo, mas a maioria das pessoas não tem. E o cabelo pós praia necessita de cuidados especiais para não ficar danificado ao extremo. Assim vamos falar sobre a melhor forma de tratar no cabelo no pós praia que traga um resultado satisfatório com menor tempo.




Relaxe na praia, mas nem tanto

Importante salientar que na praia, principalmente, por estarmos no nível do mar, a oxigenação é maior, e isso faz com que a oxidação do fio, principalmente em termos de pigmento seja também maior.

Na praia é comum se proteger do sol com protetores solar para a pele, a área dos olhos, isso e aquilo, mas deixar de lado os cabelos. Afinal cabelo necessita de, no fim do dia, somente lavar e condicionar, ou no máximo usar uma máscara para hidratar, certo? ERRADO!

Não vou entrar em detalhes aqui de como tratar o cabelo na praia, até porque se você chegou ate essa matéria é porque, provavelmente, seus fios estão danificados porque você já foi à praia e voltou com eles assim, certo?

Inclusive uma dica que dei aqui no blog em relação à praia é sobre como evitar que o cabelo desbote durante o tempo que você estiver por lá, veja:



No pós praia, ou seja, quando você volta da praia, o mais adequado a se fazer no fio são cauterizações, e minha indicação é que sejam da espécie a frio e de reconstrução ou nutrição. E isso tem uma explicação: devido à oxigenação e oxidação do fio, o mesmo tende a ficar mais fraco e perder óleo e água.

Nesse sentindo é ideal que se reponha óleo e também compostos necessários ao fortalecimento capilar, como os aminoácidos e também proteínas.

O que não vale a pena é cair no conto do vigário, onde muitos profissionais empurram uma "escova de aminoácidos" que irá abaixar os fios e domá-los e você "irá amar". Isso sim é coisa de amador!

Geralmente essas "escovas de aminoácidos" são progressivas de ácidos, daí você tem a impressão de fazer uma coisa mas o resultado final será outro bem distinto do prometido.

Ensejando a oportunidade eu convido você para ler a matéria que fizemos a um bom tempo atrás falando sobre a acidificação dos fios causada por progressiva de ácidos, que quando as pessoas voltam da praia acaba sendo oferecido como uma solução, mas não o é:

Ideal é que juntamente com o tratamento no salão seja também dado a devida manutenção no dia a dia, em casa mesmo. Mas verifique que uma coisa é independente da outra.

Não adianta sempre cauterizar no salão se não hidratar em casa, nem hidratar em casa todo dia se não cauterizar no salão. São coisas completamente diferentes.

Se compensa? Quando feito corretamente, com produtos adequados ao fio e que realmente sejam bons, compensa e compensa muito.

A vitalidade dos fios, o rejuvenescimento dos mesmos e posteriormente a recuperação é algo digno de viciar a pessoa a ir para praia sabendo que posteriormente terá em suas mãos o poder de recuperar os fios de forma satisfatória.

Mas não vale a pena aproveitar dessas informações para então deixar o cabelo de qualquer maneira na praia né.



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...