Postado dia 12 setembro 2018

Como tratar cabelos secos




Cabelos secos dão um aspecto fosco nos fios que não é muito agradável de se ver. Mas esse problema pode ser resolvido quando focamos o resultado para isso especificamente.






Quando eu menciono o aspecto de "fosco" eu não quero dizer, ou melhor, não estou me referindo àquele cabelo sem brilho intencional. Sim, há cabelos que não brilham por opção, o que podemos observar em cabelos masculinos quando usamos pomadas com efeito "matte".


Esse efeito "matte" não é aquele efeito "mate esse cabelo miserável que só me dá trabalho" não viu! Matte é comumente chamado de fosco, ou, sem brilho, nos EUA por exemplo.

Algumas dicas assim eu dou também no Instagram e na Fanpage do Facebook e eu gostaria de pedir a você para seguir nossas redes e ajudar nosso trabalho.

Cabelos secos não são tão ásperos quanto os cabelos ressecados. Sim, tem diferença, e muita. E saber essa diferença vai influenciar diretamente no resultado dos tratamentos e das químicas, e até mesmo livrar você, profissional, de uma química mal sucedida.

Quer saber a diferença entre cabelo seco e ressecado? Veja:



Tratar cabelos secos é diferente de tratar cabelos ressecados. Mas vou dar 4 dicas de expert em tratamentos para você tratar seu fios e recuperar aquele brilho que você gosta:

  1. Lavar com água menos quente: veja bem, eu não disse para lavar na água fria, mas sim na água menos quente. E óbvio, quanto menos quente, melhor. A água quente faz o cabelo "embaçar" e pode também desidratar o fio, como ocorre com a pele;

  2. Hidratar com máscaras: essa dica é o fator mais determinante no cuidado com os cabelos secos. É a máscara a responsável por "alimentar" os fios;

  3. Usar sempre um leave-in: em creme (que tenha algum óleo) ou um óleo de cabelo (para ficar nos fios, sem retirar nem enxaguar). Esse passo fará uma proteção externa contínua nos fios além de deixá-los mais tratados;

  4. Lavar menos: o ideal é lavar até 3 (três) vezes na semana.

Claro que existem outras maneiras de tratar os fios secos. Se a pessoa vem até mim, e faz uma cauterização a frio, por exemplo, será instantâneo o resultado.

Eu diria que a causa dos cabelos secos, mesmo tratando, na maioria das vezes é exatamente o diagnóstico errado. Embora o cabelo ressecado seja pior que o seco, um tratamento não serve para o outro.

Nisto vejo pessoas que tem muitos produtos (será que é o seu caso?) em casa, no banheiro, mas o cabelo continua sendo aquele cabelo que não dá prazer.

Eu posso dizer isso pois fiz alisamentos e progressivas no meu cabelo por 9 anos, e através da técnicas usadas no CCB eu abandonei definitivamente a química, passei a tratar, e hoje tenho o cabelo maior, mais denso, com muito brilho, e com um caimento natural.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre o CCB (Cronograma Capilar Brasileiro), método que eu criei e uso para tratar cabelos onde trabalho, veja o post abaixo:

Não deixe de fazer um comentário abaixo sobre suas experiências com seu cabelo. Ele está seco? Como você está tratando? Quais tem sido os resultados?



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro desde 2004 e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria e cursos para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.