Postado dia 07 novembro 2013

O Acido Glioxilico e sua Decomposição nas Escovas Progressivas




Olá leitores do Cabelos E Sonhos.

Devido à matéria veiculado no programa do Fantástico no último domingo, 03/11, muitos entenderam melhor o que eu já tinha falado sobre as escovas de ácidos. Eu falei na matéria passada sobre ele e hoje vou explicar porque ele libera formol e como ele alisa.


Ácido Glioxílico

O Ácido Glioxílico é um ácido orgânico, mas não vou ficar fazendo introdução dele aqui não.


E para adiantar pra mim e para você, se você quiser saber um pouco mais sobre ele nas escovas progressivas, que eu já tinha falado antes do fantástico veja:



Mas a questão aqui é outra. Vou mostrar como o ácido glioxílico se decompõe quando aquecido.

Mas antes tenho que passar algumas informações moleculares para você ter como referência e entender os cálculos.

Primeiramente é importante explicar que em química o Carbono (C) é tetravalente, ou seja, faz 4 ligações.

Segundo, vamos à formulas utilizadas para explicar a matéria:

  1. Ácido Glioxílico = C2H2O3
  2. Ácido Formico = CH2O2
  3. Formaldeído = CH2O
  4. Água = H2O
  5. Dióxido de Carbono = CO2
  6. Oxigênio = O

 Vamos lá.

O ácido glioxílico encontrado nas escovas quando aquecido sofre uma reação, que chamamos de síntese, balanceamento, ou mesmo descomposição, você escolhe.

Vamos ver então o que acontece com ele, (o sinal de igual "=" interprete como "quando aquecido"):

  1. Quando puro, aquecido ele libera dióxido de carbono e vira formaldeído:

    C2H2O3 = CH2O + CO2 (ácido glioxílico = formol + dióxido de carbono)


  2. Quando dissolvido em água e posteriormente aquecido ele libera ácido fórmico, formaldeído e oxigênio:

    C2H2O3 + H2O = CH2O2 + CH2O + O (ácido glioxílico hidratado = acido formico + formaldeído + oxigênio)


Por isso que quando se faz a escova progressiva de ácido glioxílico o cabelo alisa, porque ela libera em sua combustão o formol, que é um dos tipos de conservantes conhecidos e que alisa os fios, ainda que temporariamente, mas ressalto que:

O PROBLEMA MAIOR DA ESCOVA PROGRESSIVA DE ÁCIDO GLIOXÍLICO ESTÁ ANTES DE SE AQUECE-LA, POIS O ÁCIDO ROMPE AS PONTES DE ENXOFRE E MUDA A ESTRUTURA QUÍMICA DO FIO, E O FORMOL LIBERADO SERVE PARA CONSERVAR O FORMATO DO FIO.

Por isso o maior problema é a acidificação do fio.

Se você não teve oportunidade de ler a matéria que falei sobre a reportagem do fantástico então leia e entenda melhor pelas imagens:




Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...