Postado dia 08 abril 2014

Qual tinta clareia outra tinta de cabelo




Dentro da colorimetria capilar existem muitas opções de cores para se fazer um cabelo. E com essa gama geniosa de cores muitos, ou muitas, são os que gostam de variar os tons, sejam em maior ou menor escala. E uma das dúvidas é na hora de clarear os cabelos que já possuem coloração, mas usando outra coloração. É o que vamos falar.


E agora? Clareia?




Já reparou: a pessoa diz que quer porque quer ficar com o cabelo Acaju, daí um mês depois ela diz que na verdade queria era um loiro clarissimo. E aí?

Isso quase não acontece em salão (neh, colegas de profissão?) imagina! O fato é que mudar de cor de cabelo não é o problema, o problema é sim que, dependendo da cor o trabalho a ser feito, será mais ou menos prejudicial e complicado para o fio, ou para a saúde do mesmo (caramba, já pensou em um "plano de saúde capilar"?)

Quando a primeira coloração fica no tom certo que realmente a pessoa queria ainda vai lá. Mas e quando o tom fica mais escuro? Aí é o maior problema porque a pessoa logo quer passar uma outra coloração por cima daquela para clarear a primeira.

Pensando em profissionais e também nas pessoas que não adianta eu falar, pois irão continuar a fazer coloração em casa, eu fiz uma matéria falando sobre como fazer uma coloração adequada, um passo a passo mais simplificado, confira:



Mas a questão é: se você fez uma coloração e achou o tom mais escuro do que deveria ficar, ou mesmo se fez e agora por um motivo ou outro está pensando em clarear o cabelo, a notícia é que tinta nenhuma clareia outra tinta!!!



Isso mesmo! Agora somente descolorindo o cabelo até a altura de tom da coloração a qual você deseja colocar no seu cabelo. Pois é.

É que tinta não clareia tinta. Nem mesmo as chamadas "superclareadoras" que na verdade são colorações com maior amônia e que tem um poder de clareamento de até 5 tons... em cabelos virgens de coloração.

Também será necessário para a mudança que você faça uma cauterização a frio para cabelos coloridos antes de efetuar um novo procedimento, e a esse respeito eu já falei mais detalhadamente nessa matéria com foto de um trabalho assim:

Agora que você já sabe que não adianta tentar clarear o cabelo com tinta se esse cabelo já tiver uma outra coloração nele, é bom que escolha bem o tom para depois não se arrepender, pois caso isso aconteça você terá que fazer uma química ainda mais agressiva para clarear seu cabelo.

E aí, mais consciente agora?



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...