Postado dia 16 julho 2014

Como escolher o corte de cabelo




Quando se fala em escolha de corte de cabelo todo mundo pensa logo em visagismo, em formato de rosto e se esquece de alguns aspectos importantes a serem levados em consideração que talvez sejam até mais importantes que simplesmente observar o formato do rosto.


Gostou do corte né...


Para mim um dos maiores visagistas de cabelo do Brasil é o Robson Trindade e ele demonstra isso com suas técnicas de medidas de rosto até na faculdade. Entender de formas é algo muito valioso quando se vai cortar um cabelo. Afinal adequar formas faciais com a forma capilar não é tarefa fácil.

Perguntas como "qual o corte ideal para quem tem rosto redondo" e "qual o corte ideal para quem quer alongar o rosto" são frequentes aqui no blog e também aqui no salão onde trabalho em Belo Horizonte.

Mas preocupar somente com a questão de rosto não é, nem de longe, o que irá garantir o sucesso do corte, pelo menos em relação à vontade do cliente, que no caso pode ser você que está lendo essa matéria.

Levando em consideração o que falei até aqui e também o que falarei mais aditante, vou deixar aqui uma matéria, na verdade um passo-a-passo com fotos, de um corte realizado por nós exclusivamente para postar no blog, onde foram considerados tendência, vontade da cliente e visagismo de acordo com o rosto e corpo, veja:



Considero de uma importância impar o fato de levar em consideração os seguintes aspectos na escolha do corte ideal:

  1. Gosto do cliente;

  2. Dia a dia dele (como trabalho, tipo de vestuário usado no trabalho, tipo de trabalho, etc...);

  3. Tempo disponível para arrumar o cabelo

Veja que não citei aqui a questão do formato do rosto porque isso é algo básico na hora de escolher o corte de cabelo a ser executado pelo profissional. Não citei também a questão da tendencia porque é algo que sempre será requisitado ou perguntado ao profissional.

De que adianta fazer um chanel maravilhoso, desfiado, com um movimento incrível, que acerte perfeitamente ao rosto fa pessoa se essa odeia cabelos curtos? O profissional vai receber um gigante #fail no facebook da mesma (isso se ela tiver coragem de postar o resultado!!!).

Falei também da questão do dia a dia, que está intimamente ligado ao tempo disponível para lidar com as madeixas, porque muitas clientes querem cabelos que nas revistas estão maravilhosos mas levam 1 hora todos os dias para arrumar e as mesmas não disponibilizam mais do que 10 minutos para fazer o tal.

Seguindo essa linha eu publiquei uma matéria que cito a questão da escova certa para o corte certo e você pode conferir também para se afeiçoar melhor ao tema:

Portanto, a você profissional, perca (não considero como perda) 10 minutos do seu tempo para ouvir a pessoa atentamente. Pergunte coisas como o gosto de comprimento e volume do cabelo dela, com o que ela trabalha, como se veste no seu dia a dia. Isso lhe dará uma luz para saber indicar (não impor nem escolher) o corte mais adequado à pessoa.

E você que está lendo essa matéria quando for cortar o seu cabelo leve em consideração também o dito acima. Se você gosta de cabelos baixinhos, sem volume, então nada de pedir repicados fortes. Se você não suporta ver cabelos curtinhos então não se engane que o chanel da Victoria Beckham vai ficar bonito em você.

Assim todos saem ganhando, e muito.



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...