Postado dia 12 julho 2013

O Que Estraga Menos: Relaxamento ou Progressiva?




Olá leitores do Cabelos E Sonhos.

Mudanças na estrutura do cabelo acabam por danificar este. Claro que tem como recuperar o fio e amenizar os danos e até mesmo reestruturar completamente o fio. Mas em relação a redução de volume o que estraga mais, escova progressiva ou relaxamentos alisamentos?

Qual agride menos?



Cabelos quando passam por danos químicos ficam muito sensibilizados. E existem diversos tipos de danos químicos, dentre eles o dano químico causado pelo relaxamento mau sucedido, que fá foi falado quando isso acontece, e também o dano químico da escova progressiva, como é feito.

Se você tiver interesse em saber um pouco mais sobre os danos químicos então leia a matéria sobre e veja se, por acaso, seu cabelo tem algum destes danos e saiba como repará-los:




Muita gente me pergunta sobre qual estraga mais, se a progressiva ou se o relaxamento.

Se a pergunta visasse o conhecimento eu ficaria até feliz, mas na verdade a maioria pergunta porque quer fazer, e vai fazer, um dos dois, sem no entanto se perguntar se o cabelo aguenta qualquer um desses procedimentos.

Esse é o problema!

Ambos possuem danos diferentes. É o mesmo gênero de dano mas de espécies diferentes.

A progressiva, se for de ácidos, como o ácido glioxílico (ou formilformico), o ácido hialurônico, o ácido acético, o ácido málico, o acido cítrico, o  ácido aspártico, só para citar alguns, danifica os fios por ter o PH muito baixo e isso faz com que o cabelo fique muito compactado.

Assim como o cabelo quando submetido a PHs muito alto como 12, 13, por exemplo, acaba inchando demais e se desfazendo, desse modo o cabelo que chega a um PH muito baixo como 2, ou abaixo, fica tão fechado e fino que acaba se tornando um cabelo quebradiço. A progressiva de ácidos altera as ligações de enxofre do cabelo.

De outro lado a progressiva de formol, proibida a um bom tempo, prejudica o cimento intercelular, que é quem faz a ligação das cutículas com o córtex, e acaba causando espaços vagos no fio deixando-os assim sem peso e também propicio a quebras.

Já no caso do relaxamento, ou alisamento, a questão é que o produto químico altera as ligações de enxofre, pontes dissulfetos, e realinha estas mesmas ligações em uma nova estrutura e forma, fazendo assim como que o cabelo fique com o aspecto reto.

Vemos então que tanto a progressiva quanto o relaxamento causa certas mudanças no fio, umas estruturais outras de superfície ou de composição (a de formol por exemplo).

Em ambos os casos há a necessidade de a pessoa ter bons hábitos capilares, já falados aqui no blog, para que continuamente o cabelo tenha condições de passar por esses procedimentos sem que no entanto fiquem fragilizados ou com aspecto ruim

Neste sentido uma matéria extraordinariamente boa é a que falei sobre a reabilitação capilar, que é tornar um cabelo quimicamente transformado em um cabelo com aspecto de virgem. Isso é magnífico pois você pode fazer as químicas no cabelo e ainda ter os mesmos com um aspecto diferente, veja:




Então não podemos falar qual que danifica mais, se o relaxamento ou a progressiva pois vai depender muito de uma avaliação cabelo a cabelo. Já fiz e faço os dois em um mesmo cabelo. Depende de como a pessoa trata o cabelo no salão, em casa e de como está a estrutura do fio.

Se for olhar friamente o relaxamento é mais agressivo, por ser uma química direta, entretanto há cabelos que não resistem a uma progressiva mas passam tranquilamente por relaxamento e vice versa.

Por isso leitor, de modo algum faça esses procedimentos em casa nem deixe de cuidar dos fios dando a eles e ao profissional condições de manusear o fio e deixá-lo com aspecto melhor.



Sobre o autor:

Marlon Bruno é cabeleireiro a mais de 12 anos e atua no bairro Belvedere em Belo Horizonte/MG, também em salões parceiros pelo Brasil esporadicamente. Ex-professor de cabeleireiro, é Especialista Master Redken e educador pela marca. Presta consultoria para empresas e profissionais. Faz do blog Cabelos E Sonhos sua escola virtual onde compartilha o que sabe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...